Categoria: Esportes

Redacao7 de dezembro de 2019
2019-12-07t193535z_1587352889_rc2jqd9qy0uf_rtrmadp_3_soccer-england-mci-mun-report.jpg

3min00

Resumão

Manchester é vermelha neste sábado – e, aparentemente, também toda a Inglaterra. O United fez ótimo primeiro tempo, aguentou a pressão no fim e venceu o City por 2 a 1, fora de casa, mas de quebra ajudou outro rival, do Liverpool, que ampliou a diferença para o atual campeão para 14 pontos em 16 rodadas de Premier League. O Leicester, vice-líder, está 11 atrás, mas ainda joga no domingo.

O JOGO

Clássico para ninguém botar defeito. O United castigou o City em contra-ataques no primeiro tempo e construiu enorme vantagem com gols de Rashford, em pênalti sofrido pelo próprio, e Martial, em boa jogada individual. Os donos da casa melhoraram um pouco na etapa final, acumularam escanteios e obrigaram De Gea a trabalhar. Mas o gol demorou a sair, só aos 40 minutos, com Otamendi. Não houve tempo para buscar o empate.

É JOGO GRANDE?

Solskjaer estava na corda bamba até a última semana, mas conseguiu vencer Tottenham e Manchester City na sequência. Certamente ganhou mais tempo para trabalhar e tentar devolver o Manchester United ao lugar que se espera.

AINDA DÁ PARA O TÍTULO?

O time de Guardiola está agora a 14 pontos do líder Liverpool. Ninguém conseguiu ser campeão na história do Campeonato Inglês com uma desvantagem dessa. O United, aliás, está agora mais perto do City (32 a 24) do que o City do Liverpool (46 a 32).

OS BRASILEIROS

Enquanto Fred foi destaque no Manchester United (Andreas Pereira entrou na etapa final), ninguém foi muito bem no City. Gabriel Jesus desperdiçou ótima chance em peixinho no primeiro tempo, enquanto Fernandinho e Ederson sofreram com as investidas velozes dos Diabos Vermelhos.

Fonte: Globo Esporte


Redacao7 de dezembro de 2019
bicicleta-flamengo.jpg

1min00

O gol de bicicleta de Arrascaeta, em Flamengo x Ceará, pela 16ª rodada, foi eleito pelos internautas o mais bonito do Brasileirão 2019.

A pesquisa foi realizada pelo perfil oficial da competição no instagram.

A votação contou com 16 gols e foi dividida em quatro fases: oitavas, quartas, semi e final.

Para ganhar a eleição, a bicicleta de Arrascaeta venceu gols de Thiago Neves (Cruzeiro), Gabigol (Flamengo), Leandro Carvalho (Ceará) e Michael (Goiás).

Confira:

Fonte: Globo Esporte


Redacao3 de dezembro de 2019
60.jpg

3min00

Com a derrota do Cruzeiro para o Vasco, por 1 a 0, em São Januário, na partida que fechou a 36ª rodada do Campeonato Brasileiro, Fluminense e Botafogo se livraram matematicamente do risco de rebaixamento.

Faltando duas rodadas para o fim do Brasileirão, a Raposa e o Ceará seguem na briga contra a queda para a Série B. O CSA está virtualmente rebaixado, pois para escapar precisaria tirar uma desvantagem de 26 gols de saldo em relação ao Vozão.

Na briga pela vaga na fase de grupos da Libertadores, Santos, Palmeiras e Grêmio já estão assegurados, além de Flamengo, campeão da principal competição da América do Sul, e Athletico-PR, campeão da Copa do Brasil. O São Paulo está próximo de conquistar a última vaga, mas briga com Internacional e Corinthians. Confira abaixo os números do matemático Tristão Garcia, do site Info Bola.

Risco de rebaixamento
  • Avaí – 100%
  • Chapecoense – 100%
  • CSA – 99%
  • Cruzeiro – 86%
  • Ceará – 15%

Vaga na fase de grupos da Libertadores

    • Flamengo – 100%
    • Athletico-PR – 100%
    • Santos – 100%
    • Palmeiras – 100%
    • Grêmio – 100%
    • São Paulo – 73%
    • Internacional – 24%
    • Corinthians – 3%

     

    Fonte: Globo Esporte


Redacao23 de novembro de 2019
Arte-final-libertadores.jpg

3min00

A Arena Pantanal em Cuiabá, será palco da transmissão ao vivo do jogo da final entre Flamento e River Plate pela Copa Libertadores da América. Enquanto aguarda a transmissão , a torcida poderá as atrações musicais que antecipam a partida. A programação contará com shows de Denner e Douglas, Vera e Zuleika, Viviane Cantarella e maestro Fabrício Carvalho.

Promovido pela Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), o evento “A Arena é Nossa. Dá-lhe Mengão!” vai propiciar a transmissão oficial do duelo pelo título de Campeão das Américas entre Flamengo e River Plate neste sábado (23). Os portões serão abertos a partir das 14h, com acesso pelos portões A e B, no setor Oeste e portões F e G, no Leste.

O evento conta com o apoio do Cuiabá Esporte Clube, Fecomércio/Sesc/Senac e TV Centro América, emissora responsável pela transmissão oficial da partida. O ingresso será dois quilos de alimentos não-perecíveis que serão doados a instituições sociais.

Além das apresentações antes do jogo, a programação cultural também seguirá no intervalo e no encerramento. Em seguida, o público terá ainda a opção de continuar a comemoração do lado de fora da Arena, no evento Itaipava de Som a Sol, que terá como atrações as duplas Israel e Rodolfo, Denner e Douglas, grupo Sedusamba e DJs.

A partida a ser transmitida marca a 15ª vez que Brasil e Argentina se enfrentam pela final da Libertadores e o placar está 9 a 5 para os argentinos. No entanto, nos quatro confrontos entre Flamengo e River Plate na história da Copa, a supremacia foi brasileira: duas vitórias e dois empates.

Nessa edição de número 60 da Libertadores, o representante do Brasil também fez melhor campanha até a final. Foram seis vitórias, três empates e três derrotas para os comandados do português Jorge Jesus, contra quatro vitórias, sete empates e uma derrota do River.

Líder do Campeonato Brasileiro, o Flamengo vive ótima fase no futebol e tem a chance de completar uma das temporadas mais vitoriosas de toda a sua história.

 

Fonte: Olhar Esportivo


Redacao23 de novembro de 2019
Cristo-Redentor-Adidas-Flamengo-1280.jpg

1min00

O Flamengo ganhou um “torcedor” de peso para a disputa da final da Libertadores, neste sábado. Em ação de uma patrocinadora do clube, a camisa rubro-negra foi projetada no Cristo Redentor, na noite desta sexta-feira (22), no Rio de Janeiro.

Uma missa foi realizada na capela do Cristo Redentor com a presença dos torcedores. E neste sábado (23), o Maracanã, palco da jornada do Flamengo, ficará lotado para a transmissão da partida em 10 telões de LED.

O Flamengo disputa neste sábado às 17h, no Estádio Monumental U, em Lima, no Peru, um dos jogos mais importantes da sua história: a decisão da Taça Libertadores contra o River Plate.

Enquanto o Rubro-Negro busca o bicampeonato do torneio continental, o River Plate sonha com sua quinta conquista.


Redacao21 de novembro de 2019
gettyimages-1075817462-1280x854.jpg

3min00

Enquanto não tem confirmada sua próxima luta no octógono, Jon Jones segue sendo alvo de uma série de lutadores do UFC. Além de Dominick Reyes e Corey Anderson, quem também colocou o campeão dos meio-pesados em sua mira foi Jan Blachowickz.

Após vencer Ronaldo Jacaré no último sábado, o polonês declarou que estava pronto para enfrentar o americano. Em suas redes sociais, Jones postou uma resposta ao desafio.

– Eu não sei, cara. Você não parece tão pronto.

Blachowicz logo tratou de responder a provocação.

– Eu não estou aqui para parecer, estou aqui para mostrar.

Tito Ortiz de olho em duelo com Cain Velásquez

Tito Ortiz subirá ao ringue do Combate Americas no dia 07 de dezembro para enfrentar Alberto El Patron, um astro do pro-wrestling, em uma luta de MMA. O ex-campeão do UFC disse em entrevista ao “Bloody Elbow” que há boas chances de enfrentar Cain Velásquez caso vença em dezembro.

– Eu assinei por três lutas em um contrato de dois anos com eles. Então, vou fazer outra luta depois. Campbell (McLaren, dono do evento) falou com Cain Velásquez e ele disse que ele enfrentaria o vencedor dessa luta. Se Cain Velásquez puder bater 205 libras (93kg), estou dentro. Se ele puder bater 210 libras (95kg), estou dentro.

Cain Velásquez foi desligado oficialmente do UFC este ano ao anunciar sua mudança para a WWE, liga americana de pro-wrestling, decretando, na época, sua aposentadoria do MMA.


Redacao21 de novembro de 2019
WhatsApp-Image-2019-11-20-at-22.06.35.jpeg

3min00

O Cuiabá Esporte Clube consagrou-se bicampeão da Copa Verde. Desta vez, a equipe mato-grossense conseguiu um gol praticamente no último minuto, após bola cruzada na área para igualar o duelo. Nos pênaltis, o time paraense teve a chance de fechar a série de cobranças, mas perdeu duas delas e deixou o título para o ‘Dourado’.

O Cuiabá foi até o Pará em busca de reverter o placar de 1 a 0, que sofreu na Arena Pantanal. Demorou mais que os habituais 90 minutos para o ‘Dourado’ conseguir chegar ao empate.

Aos 49 minutos do segundo tempo, o time mato-grossense teve a marcação de uma falta. Todos os atletas do ‘Dourado’ foram para a área, inclusive o goleiro Victor Souza. Mas foi Paulinho quem colocou a cabeça na bola e a mandou para o fundo das redes, marcando o tento milagroso.

Após o apito final, foi a vez da disputa dos pênaltis. O Cuiabá levou um banho de água fria na primeira batida, realizada por Ednei, defendida pelo goleiro do Paysandu, Giovanni.

Depois disto, todos converteram seus pênaltis. Paulinho teve a missão de manter vivo o Cuiabá na disputa e marcou o gol. Caíque então teve o título nos pés, mas após uma lenta ida para a bola, errou a cobrança.

No fim, Marques converteu o seu pênalti para o Cuiabá e Nicolas bateu no travessão, dando o título, mais uma vez milagroso, para os mato-grossenses.

Vale lembrar que na primeira conquista do Cuiabá, curiosamente contra o Remo (em 2015), rival do Paysandu, os mato-grossenses reverteram um placar de 4 a 1, após vencerem por 5 a 1, no que ficou conhecido como o ‘Milagre do Pantanal’.

Fonte: Olhar Direto


Redacao19 de novembro de 2019
carrossel-penultima-serie-b-1280x721.jpg

14min00

A penúltima rodada da Série B do Brasileiro pode definir os times que sobem e também os que serão rebaixados.A abertura será nesta terça-feira, com dois jogos, e o encerramento será apenas no domingo, com Coritiba x Bragantino.

Na tabela, o Sport precisa de um ponto para garantir o acesso, enquanto Coritiba e Atlético-GO podem sacramentar as outras duas vagas do G-4 – isso dependendo dos resultados da rodada. Eles têm, porém, a concorrência direta do América-MG, que mira entrar no grupo de acesso. CRB e Paraná, com 1% de chance cada, ainda sonham.

Na briga contra o rebaixamento, São Bento e Londrina vão fazer um confronto direto, enquanto Criciúma e Vila Nova jogam as últimas fichas para evitar a queda. Dependendo dos resultados, os quatro podem cair já nesta rodada. Figueirense, Oeste e Vitória ainda estão ameaçado e com sinal de alerta ligado.

Dos 10 jogos da rodada, só Botafogo-SP x Cuiabá não vai interferir na briga pelo acesso ou contra o rebaixamento – os dois times apenas cumprem tabela.

Com 35 pontos e com 90% de risco de queda, o Tigre estará rebaixado em caso de derrota. Para seguir vivo, precisa vencer e torcer para o Figueirense não ganhar. Em caso de empate, o Criciúma só não cai agora se o Figueira perder.

Com 1% de chance de acesso, o Paraná tem 54 pontos e precisa ganhar e torcer por uma combinação de resultados para seguir sonhando – o Coritiba ou Atlético-GO tem que perder, e o América-MG pode no máximo empatar.

Operário-PR (9º) x Vitória (14º) – terça-feira, 21h30

Fantasma apenas cumpre tabela. O Vitória, por outro lado, precisa de um empate para escapar de vez do risco de rebaixamento – com 42 pontos, o risco de rebaixamento é de 1%. Se perder, o Leão ainda pode escapar neste rodada – aí precisa torcer para o Londrina não ganhar.

Vila Nova (19º) x Oeste (15º) – quarta-feira, 19h15

Briga direta contra o rebaixamento. Em penúltimo e com 35 pontos, o Vila Nova seguirá vivo se ganhar e o Figueirense não vencer. Se empatar, o Tigre terá que torcer para o Figueira perder – aí irá para última rodada com chances matemáticas. Em caso de derrota, o Vila será rebaixado. O time goiano tem 95% de risco de rebaixamento.

Oeste tem 40 pontos e ainda está ameaçado pelo Z-4 – o risco é de 8%. Para escapar, basta ganhar do Vila Nova. Se empatar, precisa torcer para o Londrina não vencer. Em caso de derrota, vai para última rodada ainda lutando para não cair.

Sport (2º) x Ponte Preta (12º) – quarta-feira, 21h30

Ponte Preta é mais um time que está cumprindo tabela nesse fim de campeonato. O Sport quer finalmente garantir o acesso, que poderia ter acontecido no último jogo, contra o Vila Nova. Com 64 pontos e 99% de chances, o Leão comemora com um empate ou até mesmo com uma derrota – aí dependerá que Coritiba ou Atlético-GO percam, ou que o América-MG no máximo empate.

São Bento (20º) x Londrina (17º) – quinta-feira, 19h15

Mais um jogo dos desesperados da rodada. O São Bento tem 33 pontos e só seguirá vivo se vencer e o Figueirense perder. Qualquer outra situação rebaixa o time paulista para a Série C – o risco de queda é de 99%.

Já o Londrina pode até deixar a zona de rebaixamento. Para isso tem que ganhar do São Bento, além de torcer para que o Figueirense seja derrotado. Por outro lado, o Tubarão pode ser rebaixado se perder em Sorocaba e o Figueira empatar ou ganhar do CRB. O time alviceleste tem 36 pontos e 85% de risco de rebaixamento.

Brasil de Pelotas (13º) x Atlético-GO (4º) – quinta-feira, 21h30

Brasil de Pelotas cumpre tabela, enquanto o Atlético-GO pode fazer desse o seu jogo do acesso. Para isso, tem que ganhar e torcer para o América-MG perder ou empatar com o Guarani. Outras combinações levam a decisão da vaga para a última rodada. Os goianos têm 60 pontos e 73% de chances de subir.

CRB (6º) x Figueirense (16º) – sexta-feira, 19h15

Times em situações opostas. Com 54 pontos, o CRB ainda tem 1% de chance de conseguir o acesso. Para seguir sonhando, precisa ganhar e torcer por uma combinação de resultados para seguir sonhando – o Coritiba ou Atlético-GO tem que perder, e o América-MG pode no máximo empatar.

Já o Figueirense segue na luta contra o rebaixamento. Para escapar de vez, precisa vencer o CRB e ainda torcer para o Londrina empatar ou perder para o São Bento. Uma derrota, porém, pode colocar os catarinenses de novo no Z-4, caso o Tubarão ganhe na rodada. O Figueira tem 39 pontos e 22% de risco de queda.

Guarani (11º) x América-MG (5º) – sexta-feira, 21h30

O Bugre já não tem mais chances ou riscos na tabela. O América-MG segue na briga pelo acesso, com 58 pontos e 45% de chances. Se ganhar, pode entrar no G-4 se Coritiba ou Atlético-GO não vencerem. Um empate ou uma derrota podem encerrar as chances do Coelho, isso no caso de o Coxa e o Dragão ganharem.

Botafogo-SP (10º) x Cuiabá (8º) – sábado – 17h

Será o único jogo apenas para cumprir tabela. Sem riscos ou chances, os times buscam um lgar melhor na classificação.

Coritiba (3º) x Bragantino (1º) – domingo, 16h

O jogo que fecha a rodada pode garantir o acesso ao Alviverde, que tem 60 pontos e 81% de chance de subir. Para conseguir um lugar na Série A, tem que ganhar e contar com derrota do Atlético-GO para o Brasil de Pelotas ou tropeço do América-MG contra o Guarani. Por outro lado, uma derrota pode tirar o Coxa do G-4, caso o Coelho ganhe e o Dragão pelo menos empate.

Campeão e com o acesso garantido, o Bragantino apenas joga para fechar a melhor campanha da competição.


Redacao18 de novembro de 2019
20191023-flamengo-x-gremip-38-1280x1280.jpg

5min00

Domingo, teve gol do Gabigol. Teve vitória do Flamengo por 1 a 0 sobre o Grêmio, em Porto Alegre, e teve também, mais uma vez, cartão para Gabigol. Desta vez, vermelho. Punido 21 vezes este ano – 19 amarelos e dois vermelhos -, o atacante é o recordista entre os jogadores da Série A. Com a proximidade da final da Libertadores, o holofote está cada vez mais sob artilheiro.

A grande maioria das vezes que Gabigol leva cartão é por reclamação. Domingo, ironizou aplaudindo o amarelo dado pelo árbitro e acabou sendo expulso. O atacante já prometeu internamente que ia se controlar para evitar as suspensões, mas não conseguiu.

Sábado, contra o River Plate, no Peru, o Flamengo decide o título da Libertadores, e a preocupação é de que Gabigol seja uma peça para decidir o jogo com gols, e não com os reveses que seu temperamento causa quando é provocado.

– O juiz não tem um pouco de paciência comigo. Tento argumentar a já levo cartão, a maioria é assim. Óbvio que é algo que eu tenho que melhorar. Peço desculpas aos companheiros. Vou tentar melhorar, mas os juízes poderiam ter um pouco mais de cautela também. Dentro de campo é difícil não reclamar. Hoje (domingo), acho que foi mais do coração dele, porque não falei nada diferente do que 90% dos jogadores falam – disse o goleador.

Pelos gols que marca – 38 em 53 jogos em 2019 -, Gabigol se tornou uma das peças mais importantes do Flamengo. No dia a dia, conquistou o carinho de Jorge Jesus e virou o atleta mais próximo ao português. Mas o mister não aliviou, mais uma vez, para o camisa 9.

– Me preocupa. Ainda não consegui fazer ele emocionalmente um grande jogador como é tecnicamente e taticamente. Tem que ter equilíbrio. Mas é jovem ainda, tem tempo. É importante que os grandes jogadores sejam exemplos – afirmou Jesus.

Futuro no Flamengo? Atacante desconversa

Gabigol está emprestado pela Inter de Milão ao Flamengo até o fim deste ano. Diante do sucesso do atacante, a diretoria se antecipou, negociou com os italianos e chegou a um acordo para a compra de 80% dos direitos econômicos por cerca de 16 milhões de euros (R$ 74,2 milhões na cotação atual), em parcelas.

Mas falta o acerto com o atacante, que não mostra pressa para se decidir. Vice de futebol, Marcos Braz no início de novembro passou a bola para Gabigol: “Tem que decidir a vida dele, se quer estar aqui em 2020. A situação está com ele”.

Com a chance de conquistar os títulos do Brasileiro e Libertadores, Gabigol, por enquanto, desconversa. Mas o Flamengo não está disposto a aumentar em nenhum centavo o que já ofereceu para um novo contrato.

– O Flamengo tem uma decisão no sábado, contra o River Plate, na Libertadores. Tivemos decisão contra o Grêmio, depois temos contra o Ceará, Avaí… Então, o Flamengo, o Gabriel e o time todo têm decisões para fazer – disse o atacante.

O Fla precisa de apenas mais dois pontos para se sagrar campeão brasileiro de 2009. O elenco ganha folga nesta segunda e na terça inicia a preparação para o duelo com o River Plate, sábado, às 17h (de Brasília), em Lima.

 

Fonte: G1


Redacao18 de novembro de 2019
gettyimages-1188298207.jpg

3min00

A música que embalou toda a campanha da seleção brasileira não poderia faltar na comemoração do título. O “Pagode do Tetra” virou realidade com o quarto Mundial Sub-17 conquistado pelo Brasil e foi a música mais cantada pelos jogadores e membros da comissão técnica no vestiário e até na churrascaria onde o grupo celebra a vitória por 2 a 1 sobre o México na decisão deste último domingo.

Ainda no vestiário do Bezerrão, os jogadores cantavam a música, criada pelo médico Guilherme Dilda e apresentada aos jovens durante o Mundial. O ápice foi quando o técnico Guilherme Dalla Déa apareceu com a taça nas mãos e saltou como um dos garotos que treina. Mas há um detalhe: o treinador teve uma lesão no joelho durante a virada por 3 a 2 contra a França e precisou tomar injeção com um medicamento na região para aliviar a dor.

Tudo foi amplamente registrado pelos jogadores nas redes sociais. Os atacantes Peglow e Kaio Jorge, por exemplo, aproveitaram as comemorações e fizeram uma videochamada com o MC Kevin, que também postou em homenagem aos dois amigos.

Depois do vestiário, a festa continuou no ônibus, e o grupo da seleção sub-17 e os familiares dos jogadores, que estavam todos presentes no Bezerrão, foram para uma churrascaria na Asa Sul de Brasília. No local, o “Pagode do Tetra” seguiu.

Depois do tetracampeonato, os jogadores brasileiros serão liberados nesta segunda-feira e devem retornar aos seus clubes. O Brasil conquistou seu quarto título do Mundial Sub-17 e agora é o segundo maior vencedor da competição, atrás apenas da Nigéria, que tem cinco taças.

Fonte: G1