SITUAÇÃO COMPLICADA

STF nega trancamento de ação na Ararath e complica Blairo Maggi e Eder Moraes
Fachada - STF

Fachada STF

O ex-governador Blairo Maggi e seu braço direito na Secretaria de Fazenda, Éder Moraes tem razões de sobra para ficarem preocupados. Em decisão publicada nesta segunda feira, o ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal negou um pedido de Èder Moraes para trancar as ações penais referentes à Ararath, bem como negou a ele o acesso ao teor da delação premiada de Luiz Carlos Cuzziol, ex-presidente do BIC Banco, que teria sido fundamental ao ajudar o grupo político do ex-governador Blairo Maggi a praticar lavagem de dinheiro, utilizando uma instituição bancária.

Cuzziol já foi condenado a 34 anos de prisão por lavagem de dinheiro. O acordo de colaboração premiada firmado pelo ex-superintendente do BICBanco abrange vinte inquéritos da Polícia Federal que tramitam na Justiça Federal de Mato Grosso. O juiz do caso é Jefferson Schneider, que já condenou o superintendente do BIC Banco.

O ex-governador, senador e ex-ministro Blairo Maggi já tentou juridicamente tirar o processo da justiça federal de Mato Grosso, não tendo sucesso nas suas tentativas.

Direto Do PNBoline
Fotos: Reprodução

Jota Jota Nascimento


Anúncio

Deixe um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *